terça-feira, 31 de dezembro de 2013

QUEM AGE COM MALDADE ESQUECE A REALIDADE

            Foi exatamente o que aconteceu ontem na Câmara Municipal quando realizaram reunião para apreciar as contas de gestão do ex prefeito Acácio. Movidos pela maldade esqueceram de observar pelo menos dois pontos da Lei Orgânica do Município, segundo advogados especializados. Na opinião dos advogados a convocação de sessão extraordinária em período de recesso só se justifica em caso de urgência e relevância comprovadas e os senhores hão de convir que não é o caso de apreciação de contas. Dizem ainda os mesmos que para os casos de apreciação de contas é exigido quórum qualificado, ou seja, dois terços e só compareceram sete vereadores quando eram necessários nove.
            Não entro no mérito, mas na forma como foi realizada, até mesmo porque existe recomendação por parte do TCM de desaprovação embora saibamos que trata-se de julgamento político. Para entender melhor lembramos que as contas relativas ao ano de 2006 tiveram recomendação de aprovação por aquela Corte e mesmo assim foram desaprovadas pela Casa resultando na inabilitação de Acácio para concorrer às últimas eleições.
            Portanto, o que ficou comprovado foi a maldade destes verdadeiros lobos em pele de cordeiro que sabem que estão perdidos como cegos em tiroteio e tentam aproveitar seus últimos momentos de poder para praticar o mal.
            É oportuno lembrar que os atuais chefes dos poderes executivo e legislativo terão contas a ser apreciadas no futuro e quando vier a acontecer não sabemos qual  será a composição da Câmara e que já existem motivos bastante para que sejam desaprovadas pelo Tribunal.
            Quanto aos vereadores fica comprovada a dependência ao poder executivo que os transforma em repteis rastejantes aos pés do Prefeito podendo os primeiros ser alcançados pela justiça divina nos próximos dias.
            Aguardemos!

segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

ISTO É CONSEQUÊNCIA

            Uma das consequências que a matéria anterior alerta pode ser constatada no que abaixo se segue:



sábado, 28 de dezembro de 2013


FOTO DE "PROFESSORA" DANDO AULA EM MINAS GERAIS


Mais do que ensinar putaria, do que expor seu filho a tudo que é grosseiro, imoral ou de baixo nível, um professor petista é um profeta do relativismo..é alguém cuja função consiste em fazer as crianças sentirem-se perdidas entre aquele pouco que conseguiram trazer de casa como sendo "certo" ou "errado"..O objetivo desses animais é criarem o vazio, a falta de esperança e o sentimento de revolta dos novos "filhos da Revolução Cultural"..Sempre que puderem tirem seus filhos do contato com esses marginais e gravem e denunciem tudo que for possível, não à polícia nem à justiça, mas à imprensa..ou àquilo que ainda restou dela no Brasil..

Milton Pires

sábado, 28 de dezembro de 2013

A ESCOLHA É SUA, AS CONSEQUÊNCIAS DE TODOS

            Por coincidência e para tristeza dos antiamericanistas cito um provérbio índio americano que diz: “Dentro de mim há dois cachorros: um deles é cruel e mau; o outro é muito bom. Os dois estão sempre brigando. O que ganha a briga é aquele que eu alimento mais frequentemente.”
            O artigo que publico abaixo mostra, na prática, o que vem acontecendo em relação a ameaça que sofremos lenta e gradual por parte daqueles que ainda acreditam na utopia do comunismo.
            De minha parte prefiro ficar com Ruy Barbosa que disse: "Prefiro a pior das democracias à melhor das ditaduras".
    

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

ADEUS 2013

            Para este blogueiro foi um ano a ser esquecido em vários aspectos. Coincidindo com o seu início tive pela primeira vez um internamento hospitalar que durou dois longos meses seguidos de um tratamento que se estenderia por todo o primeiro semestre.
            Mas, deixemos de lado meu drama pessoal, graças a Deus já superado, para tratar de assuntos não tão bem resolvidos de minha terra que, ao contrário, parecem não ter fim. Fim mesmo só o ano que desde o dia 20 de dezembro já chegou em postos de saúde do município levando quem precisa de medicamentos e outros atendimentos a procurar estabelecimentos comerciais como farmácias e outros.
            O quadro acima descrito foi vivenciado por este blogueiro que se encontra em gozo de férias escolares. Embora residindo na Capital acompanho tudo que acontece em nosso município por meio dos blogs e outros meios que infelizmente não mostram outra situação, senão a de abandono administrativo.
            Para aqueles mais politizados a situação torna-se mais preocupante por não se vislumbrar saída, lembrando o ocorrido em 2011 quando a administração foi trocada por outra que conseguiu ser pior ainda que a substituída.
            Enfim, se para a administração da saúde de Nova Russas "Viver não é preciso" para os colegas blogueiros e outros comunicadores que esta parte da frase de Fernando Pessoa prevaleça: "Navegar é preciso".

Feliz 2014

terça-feira, 24 de dezembro de 2013

FELIZ NATAL

            Com a mesma simplicidade que somos diante da grandiosidade do homenageado desejo um Feliz Natal a todos.

segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

PROMESSA COMPRIDA

        Não. Não é erro o  título acima. É comprida mesmo a promessa dos palanques do prefeito que se estendeu por todo o ano e já se transferiu para 2014. Para este blogueiro não é nenhuma novidade já que as expectativas eram ruins desde a divulgação de nomes que comporiam o quadro de administradores que aí se encontra conforme registrado em matéria deste blog.(ADMINISTRAÇÃO NOVA, MÉTODOS NOVOS)
            Se não me surpreendeu a inércia do primeiro ano desta nova administração o mesmo não posso dizer do espantoso número de denúncias que resultaram em nada menos do que dez tomadas de contas especiais externas pelo Tribunal de Contas dos Municípios superando todas as administrações passadas.
            Se são questionáveis as TCEs o mesmo não se pode dizer do permanente desrespeito ao limite de gastos com pessoal devidamente registrado no Portal da Transparência configurando-se em crime de responsabilidade punível com inabilitação para concorrer a nova eleição.
            No campo político não foi muito diferente, basta comparar a primeira eleição da Câmara Municipal quando sua candidata ganhou pelo placar de 10x3 e a última que ganhou por apenas um voto e sabe Deus a que custo, de 7x6.
            Novo ano se aproxima, promessas são renovadas. Mas será que em ano eleitoral, quando chegam as cobranças dos compromissos assumidos em campanha, é possível fazer alguma coisa pelo município? 
            Além de tudo resta saber de que lado está o prefeito. Política é um jogo onde se escolhe um lado para ganhar ou perder. Quando se divide entre os dois, acaba ficando sem nenhum.

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

ELEIÇÃO DA MESA DIRETORA - Quem ganhou e quem perdeu

            Por questão de honestidade intelectual não vou dizer que o Prefeito saiu perdendo, até porque ele realmente triunfou na disputa pela presidência da Câmara, ou seja, sua candidata venceu. Mas será que não estou, assim, ofendendo muito mais o chefe do executivo? Afinal, os poderes não são independentes?
            Tudo só depende do ponto de vista que analisamos os fatos. Sob a ótica política, não podemos afirmar que ele saiu perdendo ao entrar na disputa com nove vereadores e sair com sete?  Outro questionamento não deixa  de passar pela cabeça daqueles que conhecem um pouco da política de Nova Russas: A que custo?
            Ademais, é bom lembrar que todo o esforço pode ter sido em vão ante a possibilidade da perda de mandato dos três vereadores envolvidos em denúncias de infidelidade partidária já em análise no TRE conforme divulgou o BLOG DO JESUS.
            Encerro dizendo que entendo que qualquer disputa eleitoral deve ter como ganhador, o povo. Isto aconteceu? Só o tempo dirá.

segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

DECISÃO JUDICIAL NÃO SE DISCUTE, MAS SE RECORRE

            A velha expressão "Decisão judicial não se discute, cumpre-se" continua valendo, entretanto nesses casos o Código de Processo Civil prevê recurso. Como experiente operador do direito o representante dos promoventes recorreu da decisão em em lide, por não concordar com o veredicto.
            Aduz o advogado que não foi atacado o ponto principal do processo que, segundo ele, trata-se do representante da polícia militar Tenente Ivan que participou do ocorrido no exercício do seu ofício. Corrobora com a opinião do advogado um secretário municipal quando em seu sítio (AQUI) deixa claro a relevância do testemunho do militar ao afirmar "O julgamento dessa AIME era bastante aguardado porque tinha como testemunha o policial militar tenente Ivan."
            Em outro parágrafo o secretário diz que a decisão foi fundamentada no Art. 5º da CF. "são inadmissíveis, no processo, as provas obtidas por meios ilícitos". Neste caso faz-se mister lembrar que as provas a que se refere trata-se de matéria já apreciada pelo TRE e consideradas legais, conforme se constata em decisão daquela Corte. (AQUI)
            Com base na matéria do secretário podemos concluir que a decisão deixa margem a recursos que em boa hora e com a tempestividade necessária foi ajuizado.

sábado, 7 de dezembro de 2013

PRA ONDE VAMOS

            A pirâmide social compreendida dentro de uma política de governo, diferentemente do que foi concebida por Maslow que estuda as necessidade do indivíduo, encontra paralelo desde uma nação a uma comunidade.
            Lendo-se sobre a atuação dos chefões do crime em comunidades de todos o país, observamos que "eles" praticam assistência social aos moradores, que vão desde o remédio até o enterro. Esta é a razão de vermos frequentemente manifestações de moradores contra autoridades constituídas quando algum "chefão" é preso ou morto, ignorando as razões que motivaram o evento.
            O que vivenciamos hoje em nosso país no campo político/administrativo tem paralelo na situação acima onde a base da pirâmide, satisfeita (ou quase) suas necessidades básica por meio das famosas "bolsas" ignora todo e qualquer tipo de crime (malfeito) que o governo e seus membros porventura tenham cometido.
            Voltamos à pirâmide de Maslow para destacar que o homem nunca está satisfeito. Poucos são os que se resignam diante da possibilidade de alcançarem nova conquistas e, por puco tempo, vindo mais tarde a manifestar o desejo de ter atendidas novas necessidades.
            Do ponto de vista jurídico, mesmo que não estejam constitucionalmente respaldado, os benefícios passam a ter status de direito adquirido levando o beneficiário a encará-lo como uma obrigação do governante, ao longo do tempo.
            Talvez esta seja a razão dos governos populistas terem vida relativamente curta, levando seus adeptos a avançarem na direção do totalitarismo como passo seguinte à conquista da maioria, quando não mais precisarão atender às crescentes demandas do povo conquistado.

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

EMANCIPAÇÃO DE SUCESSO

            Em matéria de ontem, 5 de dezembro, o DIÁRIO DO NORDESTE traz um quadro demonstrando a situação dos 30 distritos que aspiram transformar-se em municípios no Ceará.
          Observando o quadro vemos que Sucesso apresenta uma situação diferente dos demais, o que dificulta sua criação, a meu ver. Enquanto cidades como Maranguape, Acaraú e Aquiraz teriam dois distritos emancipados, em relação a Sucesso teríamos uma situação totalmente adversa sendo três municípios atingidos, provavelmente impactando nas receitas destes. Além do mais haveriam dificuldades operacionais por ter que realizar plebiscito em todas elas, mesmo que possam ser realizados por ocasião das próximas eleições como alguns sugerem.
            Mesmo com a sansão da lei pela Presidenta Dilma algumas etapas devem ser cumpridas (G1) até a sonhada emancipação. Ao povo cabe, democraticamente, dizer sim ou não, em última análise.

MENSAGEM DE UM LEITOR

Olá população da praça da igreja e vizinhos,chamo a atenção principalmente da paroquia por permitir que um cassino seja alojado quase embaixo do arco de nossa senhora e proximo a nossa Igreja...Trazendo a ameaça e desaforo a vizinhança,daquele lugar sai grandes palavrões,brigas e ameaças até de morte...Sem falar de um elemento muito perigoso que vive lá,que ja até assassinou um pai de familia no muringue numa mesa de jogo este hj que ainda esta soltou trazendo ameaças a sociedade...acho que é hora de tomar providencia...

NOTA DO BLOG: Não podemos afirmar que a denúncia é verdadeira, mas não custa nada investigar.

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

PIMENTA NOS OLHOS DOS OUTROS ...

            Não se trata de perseguição como muitos podem imaginar: apenas uma constatação. O texto da TRIBUNA DA INTERNET traz à lembrança acontecimentos daquela época jamais imaginável nos dias de hoje por parte dos mesmo personagens, o que pra mim é motivo de atenção.
            O julgamento é do leitor, até mesmo porque lá tem comentários de toda natureza, assim você também poderá fazer o seu sobre o assunto, não sobre este blogueiro, como alguns costumam fazer.
            Boa leitura.

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

ESTÃO DESCAMBANDO PARA A VIOLÊNCIA

            Tenho como regra fazer críticas administrativas, mas quando o próprio gestor público se expõe, é ele que sai do campo administrativo dando a qualquer um o direito de criticá-lo por suas ações pessoais. Ultimamente temos recebido muitas informações sobre o comportamento não muito republicano do Prefeito e da Presidenta da Câmara, até porque as atitudes da última sempre refletem o pensamento do primeiro, como todos sabem.
            Repercutiu muito mal a atitude da senhora presidenta ao suspender o Vereador Denilson na última sessão. Mesmo sem analisar o motivo vejo como uma atitude extrema, dando sequência a uma série de abusos registrados nos meios de comunicação local.
            Como violência gera violência, por razões obvias o senhor prefeito achou por bem interceder em favor da cunhada e presidenta. Ocorre que ele não perdeu a oportunidade de fazê-lo mesmo dentro do Fórum local quando entrou em discussão, inicialmente com a Vereadora Kátia estendendo ao Vereador Denilson que intercedeu pela colega.
            Equilíbrio, ponderação e bom senso são requisitos indispensáveis a qualquer administrador, principalmente da coisa pública. É isto que está faltando em nossa cidade, mormente quando se aproxima uma disputa na Câmara quando tradicionalmente o prefeito toma as rédeas do processo.
            Há tempos que a liturgia do cargo foi esquecida, mas também não podemos deixar descambar para a violência uma disputa que, teoricamente, cabe apenas as membros da Casa. 
            Lamentavelmente estamos vendo o autoritarismo prevalecendo em todos os atos administrativos do município, contrastando com a imagem cidadã dos administradores envolvidos. Será a maldição da cadeira?

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

ROLA NA NET

A Comissão Nacional de Segurança Pública do Senado pretende provar a negação daquela máxima sobre a Polícia Militar:
"A diferença entre a polícia civil e a militar é que a primeira pode ser "militarizada", a segunda jamais será "civilizada".

Imaginem a decepção dos petistas com o resultado do laudo médico apresentado pela junta constituída pela Câmara dos Deputados.

Num cenário em que a dívida interna ultrapassa os dois trilhões e mais de 50% da população se encontra igualmente endividada, para nós leigos mais parece uma medida eleitoreira, como já se manifestaram até parlamentares da base de apoio do governo.


Nunca é demais lembrar os riscos de contaminação do Aquífero Guarani, nossa maior reserva de água doce subterrânea..

Em tempo:
Já era aposentado

Todo mundo ficou bestificado de saber, apenas agora, que José Genoíno Neto já era um “aposentado” bem remunerado na Câmara dos Deputados.

A leitura da página 43 do Boletim da Câmara dos Deputados, número 005, de 8 de Janeiro de 2013, com Atos do Diretor do Departamento de Pessoal, revela o inusitado:

“Ante a delegação de competência estabelecida pela Portaria nº 01, de 2003, do Senhor Diretor de Recursos Humanos, em seu art. 1º, inciso VI, e, à vista das informações e com base no inciso I do artigo 45 da Lei nº 7.087/82, AUTORIZO a suspensão do pagamento da aposentadoria do Deputado JOSÉ GENOÍNO NETO a partir de 03/01/2013, data em que assumiu o mandato de Deputado Federal, na qualidade de suplente, restabelecendo-se o pagamento do benefício tão logo o interessado se afaste do mandato. Em 07/01/2013 – EMERSON BRITO DE MELO, Diretor em exercício”.

AIJE 42671 TEM PROSSEGUIMENTO

            Devidamente esclarecido e divulgado em primeira mão pelo colega Jesus da Costa o Embargo de Declaração demandado visa esclarecer pontos omissos, obscuros ou contraditórios verificados no julgamento da Ação RE-42671 ocorrido no dia 04 do corrente. 
            A decisão última do Sr. Juiz Relator determinando a intimação do prefeito indica que a decisão poderá ser revista após análise mais acurada dos autos que, segundo os embargantes não guardam conformidade entre si.
            Como costume dizer, as coisas são vistas conforme o interesse de cada um, entretanto, a realidade contida nos autos  autoriza-nos  a dizer que a justiça poderá ser reparada, conforme se depreende do despacho abaixo.
            
Despacho
Despacho em 27/11/2013 - RE Nº 42671 Juiz PAULO DE TARSO PIRES NOGUEIRA
DESPACHO


Determino à Secretaria Judiciária que intime as partes embargadas para, querendo, apresentar contrarrazões, em relação aos Embargos de Declaração, às fls. 325/333.

Empós, remetam os autos à Procuradoria Regional Eleitoral.

Expediente necessário.


Fortaleza, 26 de novembro de 2013.


DR. FRANCISCO MAURO FERREIRA LIBERATO

Juiz Relator 

quarta-feira, 27 de novembro de 2013

MESMO DISTANTE NÃO SAIO DAÍ

            Embora alguns poucos não gostem, esta é a mais pura verdade, para tristeza desses. Se ainda não fomos beneficiados com o Cinturão Digital isto não impede que os blogs da cidade continuem "bombando" com as mais variadas notícias. Falar de todos é difícil razão pela qual cito  apenas dois que, a meu ver, resumem tudo que aconteceu de importante nos últimos dias.
            No Blog do Professor Tim temos de tudo um pouco, embora algum pouco seja muito, às vezes de mais para alguns, dada a diversidade temática do eclético blogueiro. Suas últimas postagens versaram desde casos policiais a um panorama dos acontecimentos políticos mais recentes, que não são poucos.
            Já o Blog do Jesus, um pouco mais técnico, talvez por sua formação jurídica, nos traz os bastidores dos tribunais, não esquecendo sua responsabilidade de cidadão novarrussense quando se propõe a conscientizar  a população, mesmo lhe rendendo críticas de pessoas que "falam com a barriga"  - palavras suas - que não merecem maiores comentários.
            Quanto a este blogueiro, continuo a missão a que me propus, mesmo com o sacrifício de viver longe da minha terra por algum tempo, amenizado pelos colegas que me trazem as mais variadas notícias, cada um com sua visão dos fatos, mesmo que nem sempre correspondam aos nossos anseios e expectativas.
            Assim como faz a maioria dos filhos daquela terra que vivem longe, manifesto meus agradecimentos a todos os colegas blogueiros, mesmo àqueles que, por motivos não justificáveis mas entendíveis, usam seus veículos como arma para defender seu pão.

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

VOCÊ ACREDITA?

            Diante da guerra midiática estabelecida no país, fica difícil saber o que é mentira e o que é verdade levando-nos cada vez mais a adotar a vigilância epistêmica como prática cotidiana.
            Outro dia li num site considerado por mim confiável, notícia que dava conta de um projeto do senado que criava a bolsa prostituta. Ao me inteirar do assunto descobri que tratava-se de uma grande mentira, comprovada após o referido site retirar a matéria.
            Hoje, com o devido cuidado, ouso postar outra matéria que me causa preocupação, não pela origem que me parece confiável, mas pelo conteúdo que vocês irão ver e concordar comigo.


            Já que estão brincando com coisas sérias resolvi também entrar no clima, daí postar esta outra notícia muito mais engraçada, pelo menos.

CUSIL= Cuba + Brasil


            Voltando pras coisas sérias, muito sérias mesmo, porque mexe com o meu e com o seu bolso, embora não esteja afirmando que seja uma prática generalizada, espero, posto abaixo matéria cujo título por si só nos causa asco.

domingo, 24 de novembro de 2013

O MINISTÉRIO PÚBLICO E O PODER

            Não é por acaso que pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas apontou o Ministério Público como a 3ª instituição mais confiável do país, perdendo apenas para as Forças Armadas e a Igreja Católica.
            Alheios a esta constatação grupos políticos tentam avocar pra si os auspiciosos resultados no combate à corrupção verificados nos últimos anos. Ignorando que a Polícia Federal é outra instituição de estado e não de governo, propagam as ações desta como iniciativas suas e, assim, faturam politicamente.
            Uma coisa temos que admitir: a influência do governo por meio do Ministério da Justiça, a quem a PF está subordina, tem sido levantada nos últimos dias em episódios como a fuga de Henrique Pizzolato e no caso da SIEMMENS que envolvem agentes da instituição em atuações questionadas.
            Voltamos ao tema principal para afirmar que o MP, após a Constituição de 1988, passou a ter garantias institucionais que lhe permitem maior autonomia e independência expressas nos artigos 127 a 130, seção I, do Capítulo IV.
            Com os artigos dedicados ao MP é possível afirmar que a partir daí nasce uma nova instituição e como tal precisa de um tempo para atingir a maturidade. Na análise do advogado Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakai, há apenas oito anos o MP deu um salto de qualidade e, a partir daí, começou realmente a agir.
            Coincidência ou não foi a partir de então que começamos a ver o que parecia impossível no entendimento de qualquer cidadão brasileiro. Naturalmente que não estamos levando em conta exceções existentes em qualquer meio, o que vale também para a Polícia Federal, até porque não está nada provado contra seus membros.
            Corrobora com minha opinião a tentativa de retirar prerrogativas conquistada na Carta Magna através da Proposta de Emenda à Constituição PEC-37 que, não fora as manifestações populares de junho último, teriam sido retiradas do texto constitucional, limitando as ações desta instituição que não é poder mas tem demonstrado ser poderosíssima.

TRÁGICO OU CÔMICO?

            Como tenho frisado muito ultimamente, o relativismo está em voga nos nossos dias. Assim, como não existe verdade absoluta, cada um interpreta à sua maneira.
            Para os adversários do governador Cid Gomes foi uma verdadeira tragédia política tendo como principais protagonistas justamente o governador que,  talvez por força do DNA, deixou o seu governadorável Leônidas Cristino constrangido ao afirmar que ele não era mais ministro mas continuava recebendo como tal, sendo seguido pela Presidenta da República que, sarcasticamente disse que Ciro Gomes era "extremamente doce", trazendo à memória os adjetivos "meio arrogante", "muito inexperiente", sem "mérito político" e sem "estrada" empregados por este em relação a ela no passado não muito distante.
            Visto pelos aliados e admiradores, não passaram de "brincadeiras" propositais, até mesmo o lapso de memória da Presidenta ao se referir ao Prefeito Roberto Claudio como Antonio, pela segunda vez.
            Por oportuno chamamos a atenção dos leitores para o comportamento da Presidenta ao ser comunicada do resultado do leilão dos aeroportos; "Não deu errado. Vou repetir, não deu errado". Foi comemoração ou represália?
            Como não sou uma coisa nem outra, aceito as duas tendências, lembrando que as verdades são imutáveis, a história é que é contada como se quer.
            
             

CINTURÃO DIGITAL - Etice divulga resultado

            Cidades como Ipueiras, Tamboril, Ararendá e Ipaporanga já podem comemorar a aprovação dos seus projetos de acesso à internet utilizando a rede de fibra ótica instalada pelo governo do estado conhecida como Cinturão Digital.
            Para a população em geral será um grande avanço uma vez que o Edital estabelece como contrapartida a disponibilização de sinal em praças públicas por meio de Wi-Fi.

sábado, 23 de novembro de 2013

FUNCIONÁRIOS DO SAAE DE NOVA RUSSAS PEDEM SOCORRO

            Antes que meus desafetos digam que trata-se de perseguição política devo lembrar que, como superintendente daquela autarquia tive oportunidade de ajudar os seus funcionários, razão porque lembram de mim nestas horas de dificuldades que atravessam.
            Esclarecimentos feitos, vamos ao caso em questão.  Fui informado por funcionário que o SAAE tinha convênio com o BB para concessão de empréstimo com desconto diretamente na conta da empresa. Segundo o informante, o convênio venceu e não foi renovado, o que levou o banco a efetuar o débito das parcelas de empréstimos diretamente na conta dos funcionários visto que é lá onde são depositados seus proventos. Assim, como o SAAE efetuou o desconto em folha, os funcionários tiveram o desconto das parcelas duas vezes, o que já dura três meses, sem solução.
            Não sei se pior, é o caso dos bancos do Nordeste e Caixa Econômica que alegam não terem sido repassados os valores debitados em folha de pagamento levando as instituições a registrarem o nome dos funcionários no cadastro de inadimplentes.
            A versão do funcionário ouvido é tão criminosa que confesso ter dificuldade em acreditar, razão porque deixo de emitir valor de juízo. De qualquer forma fica aqui o registro, lembrando que estamos à disposição da administração para as explicações que julguem convenientes.
            Abaixo íntegra do pedido de socorro.

Amigo Areton , Nós Funcionários do SAAE ,estamos pedindo socorro a quem 
possa ajudar , todos que fizeram emprestimo,na CAIXA, estão com nome no 
SERAZA ! DESCONTARAM nosso emprestimos e não repassarão!!!!!!!No BANCO DO BRASIL TBM! só que no BB O BANCO debitou direto na conta eo SAAE tbm! estamos pagando duas vezes ! socorro!!!
Atenciosamente,
S.O.S FUNC DO SAAE

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

O LADO BOM DA OPOSIÇÃO

            A riqueza da nossa língua é facilmente comprovada através dos muitos vocábulos que podem ser usados conforme nosso ponto de vista.  Dirigir, no assunto que pretendo tratar, significa gerir, administrar, governar. Observem que embora não nos refiramos a guiar - no caso de um veículo - subliminarmente estamos recebendo a mensagem de rumo, direção. Em ambos os sentidos pressupõe-se a necessidade de cuidados com o lugar onde se pretende chegar; é aí que reside a essência da oposição, que os governantes não conseguem enxergar.
            A notícia veiculada no blog do colega Max Weber dá conta de que Nova Russas não está entre as cidades que apresentaram proposta para utilização do Cinturão Digital, como fizeram quase todos os municípios vizinhos, entre eles, Crateús, Tamboril, Ipueiras e até o nosso ex-distrito Ararendá.
            Mas nem tudo está perdido. Ainda podem ser apresentados recursos até o dia 26 do corrente. Espero que a administração municipal não deixe passar esta oportunidade, mesmo que venha a favorecer a transparência administrativa.
            Esta é a minha contribuição.
            
            

quinta-feira, 21 de novembro de 2013

PRA QUEM?

            Seria para os eleitores ou pra alguém em especial? Trato de matéria sobre o Senador petista Eduardo Suplicy que fez uma declaração, se não inócua, de difícil entendimento.
            Transcrevo na íntegra declaração do senador publicada no Jornal do Senado sobre sua visita aos presos no presídio da papuda conhecidos como mensaleiros.
            "Eu, tenho uma relação de mais de 33 anos com essas pessoas, no momento de dificuldades em que estão detidos, é mais do que natural que possa ter ido visitá-los".
            E aí? Viram algo de errado? Eu também não, a não ser a própria declaração que deixa a ideia de que esteja se desculpando com alguém.

Em tempo: Teria alguma relação com a nota do Claudio Humberto? 
Zeca Dirceu foi o único no PT do Paraná a subscrever o protesto contra prisão dos mensaleiros. Envergonhados, os demais petistas, como o casal Gleisi Hoffmann (Casa Civil) e Paulo Bernardo (Comunicações), caíram fora. Nem o presidente do PT-PR botou sua assinatura na reta.

RESTABELECIDAS VERDADES SOBRE JANGO

            Em sessão histórica o Congresso Nacional anulou sessão do Senado que declarou vaga a presidência da república por seu presidente Auro de Moura Andrade em 1964. O autor do Projeto de Resolução votado ontem, Senador Pedro Simon que, segundo relatou, se encontrava com Jango em Porto Alegre enquanto se alegava estar fora do país, sustentou que o fato por si só justifica a aprovação do Projeto.
            O jovem Senador Randolfe Rodrigues chegou a afirmar que "foi um golpe civil, feito por congressistas, e que deu legalidade a um ato institucional", enquanto o Deputado Jair Bolsonaro, representante dos militares, se declarou satisfeito com tal afirmativa reforçando-a com a citação de nomes como Ulisses Guimarães e Juscelino Kubitschek que estavam presentes à sessão de deposição.
            Como diz o título, muitas verdades vieram à tona para conhecimento público, como nunca foram contadas pelos meios de comunicação de massa. O viés ideológico manifestado por Pedro Simon ao envolver o governo norte-americano, a meu ver, não deve ser levado em conta sob pena de termos que confrontá-lo com aqueles que tentam justificar o fato sob o argumento da implantação do regime comunista.
            Discussão à parte, prefiro acreditar que a deposição abriu caminho para o corporativismo dos militares que se sentiam desprestigiados e até incomodados com a interferência do governo em assuntos internos gerando, segundo eles, a quebra da hierarquia, principalmente por parte dos praças manifesta em reuniões como a realizada em 2 de setembro de 1963 no Sindicato dos Metalúrgicos do Rio de Janeiro pela Associação de Cabos e Soldados sendo seguida da rebelião dos sargentos dez dias depois. 
            Em 25 de março de 1964, com 1.400 marinheiros e fuzileiros navais amotinados na sede do mesmo sindicato, a insubordinação chegou ao ápice, com o apoio do governo, provocando o pedido de demissão do Ministro da Marinha.
            Contando com o apoio do Congresso Nacional e dos governadores de quase todos os estados e, principalmente de Minas Gerais, São Paulo e Guanabara, os militares não hesitaram em revidar ao que eles consideravam, àquela altura, um ataque do governo. Somou-se aos políticos a imprensa representada pelos maiores veículos de comunicação e, até figuras como Rachel de Queiroz, tiveram papel importante na guerra midiática que se estabeleceu em torno da disputa do poder.
            Entidades representativas de classe como  Federação e Centro das Indústria do Estado de São Paulo chegaram a enviar telegrama ao Senado solicitando a eleição de um chefe militar.
            Como se vê, além do restabelecimento da verdade sobre a deposição de Jango, a sessão de ontem fez surgir muitas outras verdades até então contadas sob a ótica daqueles que imaginavam que desenterrando cadáver sepultariam a verdade.
            Ou seja, quanto mais mexe, mais fede.
             

terça-feira, 19 de novembro de 2013

ELEIÇÃO DA MESA DIRETORA DA CÂMARA DE NOVA RUSSAS

            Eleição na Câmara Municipal de Nova Russas sempre suscitou episódios no mínimo engraçados e desta vez promete surpresas ainda maiores. Textos publicados em blogs sobre o assunto tornam as expectativas mais espetaculares como se depreende dos mesmos.
            Particularmente me chamou a atenção uma nota que dá conta de que um novo candidato surge na oposição. Segundo a nota trata-se de um "antigo veterano" e que o mesmo declarou não votar em novato e radicais.
            Abaixo posto alguns textos extraídos dos aludidos blogs ao tempo que convido meus leitores a me ajudarem na difícil tarefa de identificar o mais novo candidato à chefia do legislativo municipal.

... Eleição da Câmara pode ter desdobramento inesperado, isso porque certo comandante tem característica de prometer o ouro a Deus e o mundo...

... De certo, na eleição da Câmara, não haverá nunca mais uma que seja em paz... Será que dessa vez, o Prefeito irá dormir na casa de algum vereador???

... Será que teremos algum que se arrisque escalar algum muro??? Ou será que vão viajar para uma praia deserta???

ELEIÇÃO DA CÂMARA- Começam as movimentações para escolha do próximo presidente da Câmara Municipal. Oposição e Situação ensaiam os primeiros passos em direção a cadeira do Poder Legislativo. Na situação o prefeito está ouvindo sua base parlamentar para definir nomes, enquanto na oposição muitos são os pretendentes, mais um antigo veterano já declarou em rodas mais íntimas que não vota em novato e radicais.

ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL DE NOVA RUSSAS E AS TOMADAS DE CONTAS ESPECIAIS

            Antes de entrar no mérito de qualquer das denúncias frequentemente divulgadas por blogs ligados à nossa terra julgo importante fazer alguns esclarecimentos sobre as famosas TCEs abundantemente abertas para investigar atos da administração municipal de Nova Russas. 
            A Tomada de Contas Especial é um instrumento que tem por finalidade investigar indícios de irregularidades na administração pública. Teoricamente ela se destina a apurar irregularidades por iniciativa do próprio gestor sendo denominada TCE interna mas, na prática, quase nunca ocorre, sendo mais comum a TCE externa iniciada pelas Cortes de Contas a partir de denúncias contendo fortes indícios de irregularidades.
            Volto aos primeiros dias do ano corrente quando em matéria deste blog, discorrendo sobre o discurso do senhor prefeito, alertei para o perigo que representavam os nomes apontados como possíveis membros de sua equipe assim como os próprios vereadores que em número de dez acabaram de eleger sua cunhada presidente do legislativo.
           Lamentavelmente minhas preocupações estão se confirmando. Por vários meios e, principalmente pelos blogs, tenho visto grande número de denúncias, grande parte transformadas em TCEs pelo Tribunal de Contas dos Municípios-TCM.
            Quem lê este artigo fica com a impressão de que atribuo todas as irregularidades denunciadas aos assessores, excluindo o gestor maior de toda responsabilidade, o que não corresponde à verdade do ponto de vista jurídico muito menos moral uma vez que os nomes escolhidos por ele foram exatamente aqueles sobre os quais fiz o alerta naquela matéria.
            Como se não bastasse, novas denúncias são veiculadas e repercutidas nos blogs como a mais nova que se refere a aquisição de urnas funerárias (caixão) na cidade de São Benedito enquanto o comércio local dispõe de empresas do ramo.
            Pelo andar da carruagem esta será mais uma TCE que será aberta pelo TCM.

quinta-feira, 14 de novembro de 2013

SENADO APROVA VOTO ABERTO, EM PRIMEIRO TURNO

            Por 54 votos a favor, 10 contra e 1 abstenção, o Senado aprovou ontem, em primeiro turno, o voto aberto em todas as votações do legislativo. Durante a discussão do projeto era difícil prever resultado tão expressivo em favor do projeto originário da Câmara dos Deputados tendo em vista os mais variados argumentos apresentados pelos senadores de todos os partidos.
            O que se viu nesta fase deixou qualquer um que pretenda entender de política, no mínimo, confuso. Posições antagônicas foram verificadas dentro de todos os partidos e correntes políticas. Foi possível até ver o Senador Mário Couto, adversário radical do governo, defender ideia apoiada pelo planalto por meio do líder do PT naquela casa, Senador  Wellington Dias, enquanto o ex presidente José Sarney se associava a outro petista, Humberto Costa, em defesa do voto secreto em caso de apreciação de derrubada de veto, o que também foi defendido por opositores como o líder do DEM Agripino Maia e o presidente do PSDB Aécio Neves.
            O resultado da votação não reflete uma tendência para o segundo turno uma vez que muitos parlamentares votaram com a proposta original na perspectiva de alterá-la no segundo turno quando emendas serão votadas contemplando propostas diferentes do texto aprovado.
            Do mérito da questão, pouco se pode concluir. Até mesmo a ideia dominante entre os opositores de que o que é bom para o governo não é bom para o país, ficou obscurecida. 
            Seria isto um súbito despertar da democracia?
            

terça-feira, 12 de novembro de 2013

O QUE PODE E O QUE NÃO PODE

            Não pretendo com esta abordagem definir o que pode e o que não pode no jornalismo brasileiro. Aliás, é conveniente afirmar que sequer me considero parte da categoria, visto que escrevo por diletantismo. Entretanto, na esfera judicial sou tratado como tal, respondendo civil e criminalmente pelo que escrevo. Esta é a parte que me toca, do assunto.
            A polêmica em torno da exigência de diploma para o exercício da profissão virou uma verdadeira queda de braço entre o Legislativo e o Judiciário, assegurando o último que em nenhuma democracia do mundo existe esta exigência. Paradoxalmente os parlamentares defendem uma PEC que acolhe decisão tomada pelo regime militar que estabeleceu a exigência.
            Polêmica à parte, tratemos do que realmente é do meu interesse e de tantos blogueiros profissionais ou não que "dão pernas" às notícias dos mais longínquos e esquecidos lugares deste imenso país. Considerando o princípio da prevalência do direito coletivo sobre o individual e, em casos que ostente "gravidade e ampla repercussão social" o STJ, em decisão de junho deste ano reconheceu que não há abuso da liberdade de imprensa em "críticas ácidas" feitas a decisões do poder público ou de comportamento de seus agentes, nestas condições.
            Por mais clara que seja a decisão do STJ, cabe ao magistrado de primeira instância o enquadramento de cada caso nas condições estabelecidas pela Corte, daí a dificuldade de se saber o que pode e o que não pode.
            

NOVA RUSSAS É MUITO MAIS QUE ISSO

            Diferentemente da maioria dos meios de informação que trataram do seu aniversário, preferi falar do lado positivo de minha cidade, para não ser taxado de "revoltado" como me tratam meus desafetos, na falta de argumentos que sustentem ofensa maior.
            Embora com este cuidado, a matéria abaixo é a mais pura expressão do sentimento deste blogueiro, embora reconheça que ficou restrita aos políticos e, por questão de justiça, venho mostrar a participação da classe empresarial e do próprio povo neste processo de desenvolvimento que a cidade vive, apesar de tudo.
            Muito se falou dos gargalos nas áreas de saúde, educação, geração de emprego e renda e, serviços essenciais. Mas não podemos esquecer que em menos de um século de emancipação política nos destacamos na região pelos visíveis empreendimentos privados em todas as áreas, notadamente na área de serviços.
            Grupos empresariais sólidos não deixam de investir nesta área, dotando a cidade de uma infraestrutura recreativa e de apoio representada por hotéis, restaurantes e outros equipamentos. A educação é outro setor que tem recebido atenção especial por parte do empresariado em todos os tempos com iniciativas novas e continuidade de projetos pioneiros como o Educandário João de La Salle que comemorou seu Jubileu de Ouro no dia 1º do corrente nas dependências do Grêmio Recreativo.
            Na área da indústria, embora quase invisível, o crochê, de iniciativa popular, representa números incalculáveis na economia local, superando as transferências governamentais tidas pela maioria como único recurso que entra no município.
            As críticas que predominaram as matérias sobre o assunto têm razão de ser, porém não podemos esquecer que Nova Russas não é só isso.

            Em tempo: Veja matéria do Diário do Nordeste desta data.
http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=1337235

domingo, 10 de novembro de 2013

MUITO A COMEMORAR

            Não pretendo ancorar minhas insatisfações pessoais numa data tão importante como o 91º aniversário de minha cidade que acontece amanhã, dia 11, dos quais já passei por mais de 60%, o que me confere a condição de uma avaliação altamente positiva, no todo.
        Como bairrista que sou não posso me permitir qualquer atitude ou manifestação que não seja na persecução do melhor para minha terra, independentemente de quem esteja no seu comando.
            Infelizmente, temos a cultura de achar que só construímos no consenso. Ao contrário, o dissenso não esconde a traiçoeira bajulação que deixa os governantes inebriados, incapazes de perceberem a realidade que os cerca, chegado a levar alguns a situações delicadas, enquanto seus autores se sedimentam no poder extraindo o que realmente lhes interessa: suas vantagens pessoais.
            Casos concretos confirmam esta visão; é só verificar a situação de ex gestores e compará-las com seus antigos colaboradores, ressalvadas as exceções comuns a toda regra.
            Finalizo parabenizando Nova Russas e todos os governantes que, à sua maneira, deram suas contribuições, como bem definiu o grande Professor Tim em matéria recente do seu blog: "Cada um com seus estilos e modos de governar".

sábado, 9 de novembro de 2013

ESTAMOS PERDENDO A NOÇÃO DE CERTO E ERRADO

          Talvez não seja eu a pessoa mais indicada para esclarecer a razão do título acima, mas talvez o seja para fazer chegar até você o questionamento sobre o assunto. O certo é que o fenômeno está claro entre nós e, como dizem, o que move o mundo não são as respostas e sim as perguntas.
            Por mais que queiramos não podemos fugir da presença da política em nossas vidas pois é por meio de seus representantes, na formulação e aprovação das leis, que são estabelecidos parâmetros para todas as atividades da vida cotidiana do cidadão.
             Infelizmente a política, quando praticada como propósito de perpetuação do poder, tende a adotar os meios mais apropriados a este fim, sem observância dos princípios morais e éticos que devem nortear uma atividade tão essencial em nossas vidas. Como resultado temos a adoção do relativismo que leva à banalização de práticas outrora condenadas pela sociedade. Para justificá-las tentam convencer-nos que o mais importante é o fim, não os meios.
            Certo é que o relativismo é o meio mais eficaz para legitimar práticas absurdas por permitir interpretações que se adequam a qualquer situação.
            Em situações e épocas distintas podemos ter como exemplos o caso de São Tomás de Aquino que preferiu aceitar a ideia de um boi voando a acreditar que um frade mentisse, enquanto em tempos mais recentes o holandês Maurício de Nassau teve que literalmente fazer um boi voar - balão em pele de boi - para atrair a população para a inauguração da ponte que leva seu nome. Assim, temos dois casos em que bois voaram.
            Para a Justiça, guardiã das peças legais produzidas pelos legisladores, a interpretação tem uma aplicação ainda mais significativa a depender de pequenos detalhes como podemos observar no texto abaixo:

            Um homem rico, sem filhos, sentindo-se morrer, pediu papel e caneta e escreveu seu testamento, porém não teve tempo de pontuá-lo, ficando assim:
"Deixo meus bens à minha irmã não ao meu sobrinho jamais será paga a conta do mecânico nada aos pobres".
            - O sobrinho então fez a pontuação à sua interpretação:
"Deixo meus bens à minha irmã? não! a meu sobrinho. jamais será paga a conta do mecânico. nada aos pobres".
            - A irmã já pontuou assim:
"Deixo meus bens à minha irmã. não ao meu sobrinho. jamais será paga a conta do mecânico. nada aos pobres".
            - O mecânico também deu sua interpretação:
"Deixo meus bens à minha irmã? não! ao meu sobrinho? jamais. será paga a conta do mecânico. nada aos pobres".
            - Um pobre, interessado, fez a seguinte pontuação:
"Deixo meus bens à minha irmã? não. ao meu sobrinho? jamais! será paga a conta do mecânico? nada! Aos pobres".


VISITA DAS ESTUDANTES DE FARMÁCIA DA FAMETRO AO LABORATÓRIO BIO ANÁLISE PASCOAL

         
            Na manhã deste sábado ao acompanhar minha esposa e suas colegas em visita a um laboratório, como parte de um trabalho acadêmico, tive a oportunidade de rever um velho amigo. Trata-se do Dr. Juari, titular do Laboratório Bio Análise Pascoal que tive a honra de conhecer há muitos anos.
            Embora na condição de acompanhante, pude ver e faço questão de registrar o especial atendimento dispensado pelo próprio Dr. Juari e toda sua equipe a quem agradecemos na pessoa da Dra. Raquel, Química Industrial.
            Confirmando o que eu já esperava a equipe de estudantes ficou bastante empolgada com o que viu e ouviu do Dr. Juari e da Dra. Raquel pela organização e presteza com que os mesmos tratam o seu trabalho, encorajando-as a prosseguirem os estudos visando oferecer, no futuro, serviços com a qualidade e seriedade ali demonstrados.
            Para as estudantes foi um dia de grande aprendizado, conforme declararam, para mim, a oportunidade de gozar da companhia de um amigo cujas qualidades profissionais e morais sempre me cativaram.

sexta-feira, 8 de novembro de 2013

CONSIDERAÇÕES SOBRE O JULGAMENTO DA AIJE 42671

            No mesmo dia do julgamento postei MATÉRIA (4.11) sobre o assunto onde mostrei minha satisfação em ter reconhecidas as provas dos autos das quais fui responsável por sua coleta. Hoje, após ter acesso ao Acordão pude confirmar o que já tinha tomado conhecimento e, de maneira "oficial" provar aquilo que coloquei na matéria em lide, conforme se depreende em trechos do parecer do Sr. Juiz Relator da matéria.

         

            Não cabe a mim julgar o mérito da decisão, até porque entendo que, apesar de dissociada dos fatos efetivamente ocorridos, os senhores juízes do TRE têm que se ater aos autos que infelizmente não refletem a realidade que todos nós que vivemos no município conhecemos, embora alguns neguem por razões obvias ou, no mínimo, duvidosas.
            Isto posto, declaro-me, mais uma vez, satisfeito por poder provar que exerci com dignidade meus direitos de cidadão relativamente ao caso, preservando o que considero mais importante do que qualquer resultado eleitoral ou judicial, que é minha honra.

NAS MÍDIAS

            Comecei a escrever com um objetivo que hoje não mais existe, mas confesso que não consegui mais parar além de um certo tempo, por recomendação médica. Trazendo Lavoisier para os dias atuais podemos afirmar que "na internet nada se cria, tudo se copia" exceto a compreensão, que fica por conta de quem lê, de conformidade com suas convicções e tendências.
            Considerações feitas, posto matérias da mídia que, ao meu ver, mostram a real situação das nossas instituições e seus dirigentes.
            Começamos com matéria do BLOG DO REINALDO AZEVEDO que questiona a disposição do Governo através do Ministério da Justiça em agir em relação à violência que segue às manifestações. Seria consequências das pesquisas que apontam 93% de desaprovação por parte da população?
            Dentro do mesmo contexto o SITE MÍDIA SEM MÁSCARA joga suspeitas sobre a ligação dos Black Blocs com o governo e aponta evidências desta relação em constatações pra lá de convincentes.
            Por fim, não poderíamos deixar de citar a Audiência Conjunta da Câmara e do Senado ocorrida ontem (7.11) na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado para tratar dos efeitos das restrições orçamentárias enfrentadas pelas Forças Armadas. Em linguagem mais amena, o JORNAL DO SENADO resume as críticas dos Comandantes Militares que em bom som afirmaram a drástica situação que se encontram e as dotações orçamentárias previstas que, segundo eles não são suficientes sequer para a manutenção de equipamentos. Como exemplo o Comandante da Aeronáutica tenente-brigadeiro do ar Juniti Saito citou o caso de 300 aeronaves que se encontram paradas no pátio por falta de recursos para sua manutenção, gerando enormes prejuízos.

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

PAC OU PAQ?

            Na minha modesta opinião o nome dado inicialmente ao programa já não traduzia os reais objetivos. Se fazia era pura malvadez, trazendo consigo o DNA chinês com crescimento de 7,5% ao ano com a exploração do trabalhador com jornada de trabalho extenuante e salário baixíssimo.
            Ao contrário do que festejam os capimunistas, o crescimento econômico tão esperado não veio até agora e, principalmente, o desenvolvimento econômico, este sim, o verdadeiro presente que o povo brasileiro merece, fruto das riquezas naturais que Deus nos garantiu, se bem exploradas.
            Agora surge de forma jocosa uma nova sigla para o alardeado programa de aceleração do crescimento que troca "Crescimento" por "Queda" passando a ter a sigla PAQ. É como vêem os críticos do modelo econômico brasileiro diante dos mais recentes resultados que podem levar até à perda do Investment Grade (Grau de Investimento) alcançado no ano de 2008 ainda embalado pelas bases econômicas implantadas com o Plano Real. e hoje destruídas por falta de continuidade dos ajustes necessários.
            Se já nos encontramos em tal situação, imaginem após uma Copa do Mundo e mais tarde, uma Olimpíada, que já dão sinais de que não serão tão concorridos entre estrangeiros como se esperava a princípio, conforme ficou evidenciado com a baixa procura por ingressos pelos mesmos.
            Pelo menos numa coisa ficaremos mais parecidos com os nossos alinhados ideológicos; cheios de elefantes brancos e de todas as cores, além de uma dívida que já ultrapassa os dois trilhões.
            

SEM DAR NOME AOS BOIS

            Nem foi preciso citar nomes, afinal a boiada quase toda é conhecida. Assim podemos resumir o comentário do radialista e apresentador Paulo Oliveira em seu programa de todas as manhãs na Rádio Verdes Mares, no dia de ontem. Disse ele que estava numa festa quando sentou-se à mesa um cidadão que se identificou como Prefeito de Nova Russas, oportunidade que afirmou: "se arrependimento matasse eu já estaria morto". Disse ainda o radialista que não era pelo povo, mas que vivia rodeado de aproveitadores.
            Entendo o seu desabafo, Sr. Prefeito. Mas afinal, o senhor, um homem experiente, não sabia que as pessoas que se vendem sempre valem menos que a quantia que recebem? Eu sei, foi muito dinheiro, alguns até teve que comprar mais de uma vez, não é verdade? Mas eles são insaciáveis. É bom saber que, apesar de tudo, o senhor ainda está no comando, portanto ainda está sendo "paparicado", mas fique certo que o que dizem sobre os seus antecessores hoje será dito também sobre você amanhã ao prefeito de plantão.
            É bom não esquecer que aqueles que mais comemoram suas vitórias são os mais perigosos. Eles vêm praticando a anos com todos os que passaram pelo poder, daí porque fazem bem feito. Quanto ao desabafo em si, da próxima vez procure alguém que fale menos.            

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

A VERDADE SEMPRE SERÁ VERDADE, MESMO QUANDO NOS É ADVERSA

            Tivemos hoje o julgamento pelo TRE de uma AIJE que imputa ao Prefeito o crime de compra de votos nas últimas eleições. Os julgadores deram vitória ao imputado, mas isto não muda a verdade.
            Do ponto de vista pessoal fiquei satisfeito uma vez que os senhores magistrados reconheceram as provas, embora não as tenham considerado suficientes para a cassação do mandato do Prefeito. Isto significa muito para mim, como responsável pela coleta das provas que constam dos autos, de vez que ficou comprovado que não fui leviano.
            Quanto à decisão do colegiado deixo a cada um dos leitores o julgamento. Afinal, estamos num país onde as preocupações vão muito além de um fato pontual como este sendo obrigado a reconhecer que o relativismo é prática dominante em todos os níveis. 
            À população fica a reflexão sobre o que foi feito e o que deverá fazer doravante. Se para alguns cabe comemoração que o façam, se para outros é motivo de tristeza lamento, mas não podemos esquecer que o povo é o responsável maior por tudo que acontece.

domingo, 3 de novembro de 2013

CURTAS

            - Foi um sucesso total a festa em comemoração ao Jubileu de Ouro do Educandário João de La Salle realizada no Grêmio Recreativo com a presença de grandes nomes que passaram por aquela escola;
         - Muito boa a entrevista com Neto Madeiro no Centro Oeste Notícias da Rádio Poty, só não entendi quando ele afirmou que o atual prefeito foi eleito na oposição. A quem?;
           - Na matéria abaixo, muito mais sobre o assunto;
       - Amanhã haverá julgamento no TRE de AIJE contra o prefeito. Resultado só DEUS sabe;
         - Enquanto isso mais uma Tomada de Contas Especial é criada no TCM; e
            - Novidades na área administrativa vêm aí,. Aguardem.

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

CUSPINDO NO PRATO QUE COME

            A expressão que dá título a esta matéria tem seu tempo verbal alterado para se adequar à situação real de nossa cidade. A metáfora explica que, ao invés do que tentam passar à população, a atual administração paira em brancas nuvens criadas pelos seus antecessores.
            Sem citar nomes por considerar desnecessário, lembro que a grande quantidade de funcionários "comissionados"com a aparente legalidade deve-se ao um desses seus antecessores, com a conivência da Câmara de Vereadores da época que aprovou a criação de exorbitante número de cargos.
            Mesmo com a aparente legalidade é inconcebível a alegação por parte da administração de que uma ocupantes de um desses cargos na Autarquia SAAE, já amplamente divulgado, exerça a função de  "Assessora" o que, em tese, não exige sua presença nas dependências da empresa. Ora senhores, esta moça é especialista em quê? Que tipo de assessoramento ela presta? Certo mesmo é que, segundo informação de funcionários da casa, a dita "assessora" continua nos quadros da empresa onde comparece algumas vezes mostrando seus atributos físicos em roupas incompatíveis com o ambiente de trabalho.
            Já ao último, o atual gestor deve o próprio mandato uma vez que é de conhecimento público o conchave entre os dois durante as eleições, confirmado com o silêncio da equipe de transição que nunca encontrou qualquer irregularidade durante seu período de funcionamento.
            Agora, mergulhado em denúncias, com quase uma dezena de Tomadas de Contas Especiais externas (TCM), tenta justificar sua inércia e seus desmandos atribuindo não só a estes que prepararam o prato que ora come, mas até a longínquas administrações, aí sim "cuspindo no prato que comeu".