quinta-feira, 30 de junho de 2016

PF DESCOBRE LAÇOS IMPRÓPRIOS ENTRE TOFFOLI E EMPREITEIRO DO PETROLÃO

            Não é de se admirar nada que venha deste "Jabuti" colocado no Supremo pelo Lula sem ter qualquer qualidade exigida para o cargo entre elas notório saber jurídico, visto que sequer conseguiu aprovação em concurso para juiz tendo concorrido por duas vezes sem êxito.

ÚLTIMOS DEPOIMENTOS DE TESTEMUNHAS NA COMISSÃO DO IMPEACHMENT

            O último dia de oitiva de testemunhas na Comissão Especial do Impeachment trouxe novidades importantes para  a análise dos procedimentos aplicados na área técnica do governo Dilma que, assim como o relatório da perícia, reforçou a tese sustentada pela acusação de que todos os atos apontados na denúncia eram de conhecimento da ex presidente.
            Acompanhei ao vivo a grande maioria dos depoimentos prestados pelas testemunhas e em seguida fiz o seu cotejamento. Com o auxílio da tecnologia aliada a uma experiência na área bancária e como contador por formação avalio que a defesa da Dilma prendeu-se à retórica  e à tergiversação que se seguiram também às testemunhas arroladas por ela sem contar com aqueles que simplesmente alegavam não ter participação efetiva nos atos.
             Como tenho demonstrado ao longo deste processo, mesmo adstritos aos fatos constantes da denúncia, os acusadores apresentaram provas incontestáveis do comprometimento da acusada com os crimes que lhe são imputados e seus efeitos nefastos sobre a economia do país culminando com a situação caótica que se encontra.
            Pela importância que  representaram estes últimos depoimentos e para seu melhor acompanhamento na linha do tempo do vídeo descrevo-os abaixo:

- 18m, 20s - O Senador Fernando Bezerra faz um relato sobre o caminho que percorreram os atos objetos da denúncia e suas consequência;
- 26m,10s - A advogada de acusação faz sua primeira participação enfocando o resultado da perícia;
- 48m,10s - A advogada intervém no depoimento da testemunha gerando polêmica generalizada;
- 59m,10 - A advogada de acusação retorna para esclarecer a polêmica gerada na sua intervenção anterior reabrindo a discursão com a participação de vários membros da Comissão;
- 1h,10m - A Senadora Vanessa Grazziotin faz uma questão de ordem que provoca nova celeuma entre os membros da Comissão levando o Presidente a interromper a sessão por dois minutos para que a ordem fosse restabelecida;
- 1h, 43m - A Senadora Ana Amélia fala dos reajustes dados pelo governo Temer aos programa sociais e na sequência a  Senadora Lúcia Vânia fala sobre a estratégia da defesa confirmando o que este blogueiro afirmou em parágrafo anterior;
 - 2h, 16m, 50s - Mais uma vez o Senador Ronaldo Caiado exibe gráfico que prova a conduta irregular do governo;
 - 3h,15,m50s - A advogada de acusação Janaína Pascoal  mostra que a fraude fiscal foi aplicada em vários órgãos da administração federal com o mesmo objetivo.
 - 4h,36m,30s - A Senadora Lúcia Vânia, considerada especialista em contas públicas, mais uma vez, com a serenidade que lhe é peculiar, coloca o depoente em situação difícil tendo que sair com evasivas em resposta aos questionamentos da Senadora e logo em seguida retorna o Senador Ronaldo Caiado com sua objetividade sempre respaldada por dados oficiais e fazendo analogia à sua profissão de médico cirurgião. Segundo o Senador o depoente confessa a prática das pedaladas na Caixa;
 - 5h,12m,20s - O Senador Fernando Bezerra chama a atenção para as declarações do depoente de que o Banco Central agiu de forma correta em relação às pedaladas e que medidas de outros órgãos não deram continuidade ao exame da matéria. A seguir a advogada de acusação faz esclarecimentos e questionamentos ao depoente que foram por demais esclarecedores; e,
 - 5h,49m,30s - O Senador Caiado faz seus questionamentos ao último depoente e mais uma vez mostra gráfico que prova a má fé do governo em relação ao assunto, inclusive correspondência onde o Banco do Brasil cobra a conta em atraso.

            O blog espera ter contribuído com o entendimento dos fatos objetos das denúncias que deram origem ao pedido de impeachment e continuará a acompanhar o processo até o seu final registrando os acontecimentos para maior comodidade dos seus leitores e para a posteridade.

quarta-feira, 29 de junho de 2016

O MODUS OPERANDI PETISTA NA COMISSÃO DO IMPEACHMENT

            A tergiversação tem sido a tônica dos defensores da Dilma, enquanto seus opositores têm sido claros e objetivos, procedimento também adotado pelos advogados de acusação como fica evidenciado no vídeo abaixo às 3,12m.e 4,34,40s.
            Ao final da sessão do dia, mais precisamente às 5,20,40s temos a participação do Senador Ricardo Ferraço prova com documento emitido pelo TCU que Dilma tinha pleno conhecimento da situação da economia e, mesmo assim, continuou incorrendo nos mesmos erros visando unicamente enganar a população.

,  

CADA MACACO NO SEU GALHO

            A interinidade do presidente em exercício talvez seja a única explicação para a escolha de nomes como o de Ricardo Barros para o ministério da saúde porque do assunto ele já mostrou que nada entende. O fato de ser engenheiro não necessariamente explica sua recente declaração visto que José Serra também é e teve bom desempenho na mesma pasta, o que nos leva a concluir que lhe falta sensibilidade e humildade suficiente para reconhecer que não domina o assunto. 
            A declaração desastrosa do ministro gerou não só polêmica, mas ações efetivas cono fez o Conselho de Farmácia de São  Paulo e de outros estados que exigem retratação do ministro pelas colocações feitas em evento no interior do seu estado: "Se tiver algum ponto em que médicos brasileiros não queiram ir, teremos lá um médico cubano. É melhor ter um médico cubano do que ter um farmacêutico ou uma benzedeira".
            Acho desnecessário defender médicos cubanos porque não deveria restar mais qualquer dúvida sobre sua importância, ao contrário, critico a forma como são remunerados em desacordo com as nossas leis trabalhista transferindo a maior parte dos seus salários para Cuba.
            Em relação aos farmacêuticos, colocados no mesmo nível das benzedeiras, igualmente desrespeitadas pelo ministro por não ter formação acadêmica na área de saúde assim como ele próprio, lembro que em sentido contrário o farmacêutico tem sua reconhecida sua importância cada vez maior através da ampliação de sua área de atuação através de especializações que vão desde a área da estética à prescrição de medicamentos como se vê na matéria que posto abaixo:
            

terça-feira, 28 de junho de 2016

O TIRO SAIU PELA CULATRA

            A cada novo acontecimento envolvendo petistas e seus aliados aumenta o convencimento da culpa da presidente afastada. Dos últimos episódios o mais importante foi o relatório de técnicos do Senado referente à perícia requisitada pelos defensores da Dilma com o propósito de provar a inocência da presidente afastada.
            Empolgados com os depoimentos das 40 testemunhas que foram na sua totalidades favoráveis às suas teses,  decidiram requisitar uma perícia nos documentos que deram origem ao pedido de impeachment que foi rejeitado pela Comissão mesmo com o parecer favorável do relator. Não satisfeitos com a decisão recorrerem ao Presidente do Supremo que acatou o pedido. 
            Os senadores de defesa só esqueceram que os nomes por eles arrolados para testemunha tinham participação efetiva nos atos apontados na denúncia, o que fazia deles cúmplices e, desta forma, obrigados a defender a legalidade dos atos. Já os três técnicos escolhidos pelo Presidente da Comissão não tinham qualquer envolvimento com os atos, conferindo-lhes mais independência na análise dos mesmos.
            Como resultado dos exames o relatório pericial apontou que três dos quatro decretos em análise feriram a Constituição e que no caso da operação junto ao Banco do Brasil caracteriza-se como empréstimo muito embora não reconheça a presidente afastada como responsável. Neste caso lembra o Senador Cássio Cunha Lima que não cabe a uma perícia contábil apurar culpados.
            Ainda em relação às chamadas "pedaladas fiscais" o Senador Cássio fez questão de ler o artigo 84, inciso II da Constituição que não deixa dúvidas quanto à responsabilidade do(a) Presidente da República. "Compete privativamente ao Presidente da República exercer com o auxílio dos Ministros de Estado a direção superior da administração Federal. (grifos meus)
            Logo em seguida, como segundo orador inscrito o Senador Ronaldo Caiado discorre sobre as pedaladas que destinaram apenas 1,8% dos créditos para a área social e causou um prejuízo de 2,8 bilhões aos cofres públicos em pagamento de juros. O senador mostrou ainda que prejuízos de 41 bilhões foram causados com o que o TCU classificou com "custo de oportunidades" com a concessão irregular de terras a 578.547 pessoas, entre elas mortos, empresários, estrangeiros, etc. etc.
            Para tirar suas próprias conclusões assista logo no início do vídeo que posto abaixo à fala dos senadores citados.

quinta-feira, 23 de junho de 2016

PF PRENDE EX MINISTRO PAULO BERNARDO

            Não devemos nos regozijar com a desgraça alheia e é justamente por este motivo que me solidarizo com milhões de brasileiros desempregados e desesperançados  por conta dos roubos de canalhas como estes.
            Clique na imagem/link abaixo e veja vídeo da notícia veiculada no Bom Dia Brasil da Rede Globo além de matéria completa sobre o escândalo.


ISTO FAZ PARTE DO CONJUNTO DA OBRA DO PT

            Todos nós sabemos estamos sentindo os efeitos nefastos da irresponsabilidade de um partido que em pouco mais de uma década conseguiu destruir todos os fundamentos da economia de um país em nome de uma ideologia e de uma utopia de um megalomaníaco chamado Lula.
            A imagem que posto abaixo é emblemática pois mostra a que ponto estão chegando brasileiros que viram seus sonhos e seus esforços desmoronarem enquanto recursos importantes para o país são desviados tanto para outras nações aliadas ideológicas quanto para o próprio enriquecimento dos membros do PT e de seus aliados que a cada dia protagonizam escândalos como o anunciado hoje com a prisão do ex ministro Paulo Bernardo, marido da aguerrida defensora do partido Gleisi Hoffmann.



ISTO FAZ PARTE DO CONJUNTO DA OBRA DO PT

            Todos nós sabemos estamos sentindo os efeitos nefastos da irresponsabilidade de um partido que em pouco mais de uma década conseguiu destruir todos os fundamentos da economia de um país em nome de uma ideologia e de uma utopia de um megalomaníaco chamado Lula.
            A imagem que posto abaixo é emblemática pois mostra a que ponto estão chegando brasileiros que viram seus sonhos e seus esforços desmoronarem enquanto recursos importantes para o país são desviados tanto para outras nações aliadas ideológicas quanto para o próprio enriquecimento dos membros do PT e de seus aliados que a cada dia protagonizam escândalos como o anunciado hoje com a prisão do ex ministro Paulo Bernardo, marido da aguerrida defensora do partido Gleisi Hoffmann.



ISTO FAZ PARTE DO CONJUNTO DA OBRA DO PT

            Todos nós sabemos estamos sentindo os efeitos nefastos da irresponsabilidade de um partido que em pouco mais de uma década conseguiu destruir todos os fundamentos da economia de um país em nome de uma ideologia e de uma utopia de um megalomaníaco chamado Lula.
            A imagem que posto abaixo é emblemática pois mostra a que ponto estão chegando brasileiros que viram seus sonhos e seus esforços desmoronarem enquanto recursos importantes para o país são desviados tanto para outras nações aliadas ideológicas quanto para o próprio enriquecimento dos membros do PT e de seus aliados que a cada dia protagonizam escândalos como o anunciado hoje com a prisão do ex ministro Paulo Bernardo, marido da aguerrida defensora do partido Gleisi Hoffmann.



ISTO FAZ PARTE DO CONJUNTO DA OBRA DO PT

            Todos nós sabemos estamos sentindo os efeitos nefastos da irresponsabilidade de um partido que em pouco mais de uma década conseguiu destruir todos os fundamentos da economia de um país em nome de uma ideologia e de uma utopia de um megalomaníaco chamado Lula.
            A imagem que posto abaixo é emblemática pois mostra a que ponto estão chegando brasileiros que viram seus sonhos e seus esforços desmoronarem enquanto recursos importantes para o país são desviados tanto para outras nações aliadas ideológicas quanto para o próprio enriquecimento dos membros do PT e de seus aliados que a cada dia protagonizam escândalos como o anunciado hoje com a prisão do ex ministro Paulo Bernardo, marido da aguerrida defensora do partido Gleisi Hoffmann.


JUSTA HOMENAGEM DO PROFESSOR TIM AO PROMOTOR DR. JOSÉ ARTEIRO

            Nos associamos à justa homenagem feita pelo Professor Tim ao ilustre promotor de justiça Dr. José Arteiro Soares Goiano. Por esta razão faço questão de reproduzir a matéria ao tempo que, como prova da minha admiração pelo digno representante do Ministério Público. 
            Ao final deste post, mostro como este blog tem acompanhado desde muitos anos a atuação do ilustre promotor.

Artigo do Professor Tim sobre o genial promotor de Crateús, Dr. José Arteiro Soares Goiano.

Crateús tem o melhor promotor da região: Dr. José Arteiro!
Segundo o artigo 127 da Constituição Federal [Constituição Cidadã], cabe ao Ministério Público zelar pela função jurisdicional do Estado, da ordem jurídica e democrática, dos direitos sociais e individuais indisponíveis e difusos, fazendo isso por meio da Ação Penal Pública e da Ação Civil Pública.

Já no artigo 129 da mesma Carta Magna, como titular da função de fiscal da Lei, cabe ao Ministério Público (MP) fiscalizar a defesa do patrimônio público, condenar as ilegalidades e inconstitucionalidades, exercer o controle externo policial, combater a corrupção eleitoral, a harmonia e a separação dos poderes etc.
Algo da Constituição Federal e da Lei Orgânica do MP, que é uma entidade autônoma dos outros poderes, criada segundo a teoria dos freios e dos contrapesos (Check and Balance) -fundamentando, assim, na defesa da sociedade contra os abusos do Estado e dos bandidos.
O genial promotor de Crateús, Dr. José Arteiro Soares Goiano, dentro da instituição ministerial do Ministério Público do Ceará (MPCE), simboliza tudo isso. 
Dr. José Arteiro é um dos maiores fenômenos do Ministério Público do Ceará. Considerado o melhor promotor da região e um dos mais qualificados promotores de Justiça do Ceará.
Extremamente inteligente e preparado, Dr. José Arteiro cumpre suas funções ministériais muito bem, sendo um promotor comprometido com a Justiça em todos os níveis. Na Promotoria de Crateús, condena os bandidos mas dentro de uma visão social da Lei.
Já chegou a defender publicamente o Movimento dos Sem Teto e dos Sem Terra, que lutam por terra e por moradia para as pessoas mais necessitadas. 
Defensor de eleições limpas e pela democracia plena, José Arteiro criou e liderou os movimentos 9840, em parceria com a CNBB, de combate à corrupção eleitoral e compra de votos por políticos corruptos nas eleições da região.
O promotor José Arteiro, em suas lutas contra as drogas, sempre aliado da promotora Socorro França, é uma das páginas mais memoráveis do Ministério Público para salvar vidas dos vícios mortais de todos os tipos de drogas, inclusive, sendo um dos idealizadores do Forum de Enfrentamento ao Crack e outras drogas dos sertões de Crateús.
Próximo dos advogados e da OAB, e amigo do secretário de Justiça do Ceará, Hélio Leitão, Dr. José Arteiro cumpre bem a Lei de Execuções Penais e os direitos fundamentais para a população carcerária crateuense.
Estadista do MP bem à frente do seu tempo, lutou muito pela implantação do Campus da UFC em Crateús, trazendo vários cursos de graduação da Universidade Federal para sua cidade.
A fé unida a uma filosofia de libertação. José Arteiro é vinculado à Diocese de Crateús e participou das Comunidades de Base de Dom Fragoso, fermentando as sementes de consciências para uma igreja popular e libertadora. Ajudando na construção de um novo jeito de ser Igreja.
Poderia dizer muito de José Arteiro, mas seria pouco pelo muito que ele já fez pela Justiça de Crateús e da região, sendo um promotor defensor das liberdades e dos direitos fundamentais da pessoa humana.
Verdadeiro promotor do povo, para o povo e pelo povo.
__________________________________________

Autor do artigo: Professor Tim é cientista político e blogueiro.

Artigo do Professor Tim sobre o genial promotor de Crateús, Dr. José Arteiro Soares Goiano.

Crateús tem o melhor promotor da região: Dr. José Arteiro!
Segundo o artigo 127 da Constituição Federal [Constituição Cidadã], cabe ao Ministério Público zelar pela função jurisdicional do Estado, da ordem jurídica e democrática, dos direitos sociais e individuais indisponíveis e difusos, fazendo isso por meio da Ação Penal Pública e da Ação Civil Pública.

Já no artigo 129 da mesma Carta Magna, como titular da função de fiscal da Lei, cabe ao Ministério Público (MP) fiscalizar a defesa do patrimônio público, condenar as ilegalidades e inconstitucionalidades, exercer o controle externo policial, combater a corrupção eleitoral, a harmonia e a separação dos poderes etc.
Algo da Constituição Federal e da Lei Orgânica do MP, que é uma entidade autônoma dos outros poderes, criada segundo a teoria dos freios e dos contrapesos (Check and Balance) -fundamentando, assim, na defesa da sociedade contra os abusos do Estado e dos bandidos.
O genial promotor de Crateús, Dr. José Arteiro Soares Goiano, dentro da instituição ministerial do Ministério Público do Ceará (MPCE), simboliza tudo isso. 
Dr. José Arteiro é um dos maiores fenômenos do Ministério Público do Ceará. Considerado o melhor promotor da região e um dos mais qualificados promotores de Justiça do Ceará.
Extremamente inteligente e preparado, Dr. José Arteiro cumpre suas funções ministériais muito bem, sendo um promotor comprometido com a Justiça em todos os níveis. Na Promotoria de Crateús, condena os bandidos mas dentro de uma visão social da Lei.
Já chegou a defender publicamente o Movimento dos Sem Teto e dos Sem Terra, que lutam por terra e por moradia para as pessoas mais necessitadas. 
Defensor de eleições limpas e pela democracia plena, José Arteiro criou e liderou os movimentos 9840, em parceria com a CNBB, de combate à corrupção eleitoral e compra de votos por políticos corruptos nas eleições da região.
O promotor José Arteiro, em suas lutas contra as drogas, sempre aliado da promotora Socorro França, é uma das páginas mais memoráveis do Ministério Público para salvar vidas dos vícios mortais de todos os tipos de drogas, inclusive, sendo um dos idealizadores do Forum de Enfrentamento ao Crack e outras drogas dos sertões de Crateús.
Próximo dos advogados e da OAB, e amigo do secretário de Justiça do Ceará, Hélio Leitão, Dr. José Arteiro cumpre bem a Lei de Execuções Penais e os direitos fundamentais para a população carcerária crateuense.
Estadista do MP bem à frente do seu tempo, lutou muito pela implantação do Campus da UFC em Crateús, trazendo vários cursos de graduação da Universidade Federal para sua cidade.
A fé unida a uma filosofia de libertação. José Arteiro é vinculado à Diocese de Crateús e participou das Comunidades de Base de Dom Fragoso, fermentando as sementes de consciências para uma igreja popular e libertadora. Ajudando na construção de um novo jeito de ser Igreja.
Poderia dizer muito de José Arteiro, mas seria pouco pelo muito que ele já fez pela Justiça de Crateús e da região, sendo um promotor defensor das liberdades e dos direitos fundamentais da pessoa humana.
Verdadeiro promotor do povo, para o povo e pelo povo.
__________________________________________

Autor do artigo: Professor Tim é cientista político e blogueiro.

Artigo do Professor Tim sobre o genial promotor de Crateús, Dr. José Arteiro Soares Goiano.

Crateús tem o melhor promotor da região: Dr. José Arteiro!
Segundo o artigo 127 da Constituição Federal [Constituição Cidadã], cabe ao Ministério Público zelar pela função jurisdicional do Estado, da ordem jurídica e democrática, dos direitos sociais e individuais indisponíveis e difusos, fazendo isso por meio da Ação Penal Pública e da Ação Civil Pública.

Já no artigo 129 da mesma Carta Magna, como titular da função de fiscal da Lei, cabe ao Ministério Público (MP) fiscalizar a defesa do patrimônio público, condenar as ilegalidades e inconstitucionalidades, exercer o controle externo policial, combater a corrupção eleitoral, a harmonia e a separação dos poderes etc.
Algo da Constituição Federal e da Lei Orgânica do MP, que é uma entidade autônoma dos outros poderes, criada segundo a teoria dos freios e dos contrapesos (Check and Balance) -fundamentando, assim, na defesa da sociedade contra os abusos do Estado e dos bandidos.
O genial promotor de Crateús, Dr. José Arteiro Soares Goiano, dentro da instituição ministerial do Ministério Público do Ceará (MPCE), simboliza tudo isso. 
Dr. José Arteiro é um dos maiores fenômenos do Ministério Público do Ceará. Considerado o melhor promotor da região e um dos mais qualificados promotores de Justiça do Ceará.
Extremamente inteligente e preparado, Dr. José Arteiro cumpre suas funções ministériais muito bem, sendo um promotor comprometido com a Justiça em todos os níveis. Na Promotoria de Crateús, condena os bandidos mas dentro de uma visão social da Lei.
Já chegou a defender publicamente o Movimento dos Sem Teto e dos Sem Terra, que lutam por terra e por moradia para as pessoas mais necessitadas. 
Defensor de eleições limpas e pela democracia plena, José Arteiro criou e liderou os movimentos 9840, em parceria com a CNBB, de combate à corrupção eleitoral e compra de votos por políticos corruptos nas eleições da região.
O promotor José Arteiro, em suas lutas contra as drogas, sempre aliado da promotora Socorro França, é uma das páginas mais memoráveis do Ministério Público para salvar vidas dos vícios mortais de todos os tipos de drogas, inclusive, sendo um dos idealizadores do Forum de Enfrentamento ao Crack e outras drogas dos sertões de Crateús.
Próximo dos advogados e da OAB, e amigo do secretário de Justiça do Ceará, Hélio Leitão, Dr. José Arteiro cumpre bem a Lei de Execuções Penais e os direitos fundamentais para a população carcerária crateuense.
Estadista do MP bem à frente do seu tempo, lutou muito pela implantação do Campus da UFC em Crateús, trazendo vários cursos de graduação da Universidade Federal para sua cidade.
A fé unida a uma filosofia de libertação. José Arteiro é vinculado à Diocese de Crateús e participou das Comunidades de Base de Dom Fragoso, fermentando as sementes de consciências para uma igreja popular e libertadora. Ajudando na construção de um novo jeito de ser Igreja.
Poderia dizer muito de José Arteiro, mas seria pouco pelo muito que ele já fez pela Justiça de Crateús e da região, sendo um promotor defensor das liberdades e dos direitos fundamentais da pessoa humana.
Verdadeiro promotor do povo, para o povo e pelo povo.
__________________________________________

Autor do artigo: Professor Tim é cientista político e blogueiro.

Artigo do Professor Tim sobre o genial promotor de Crateús, Dr. José Arteiro Soares Goiano.

Crateús tem o melhor promotor da região: Dr. José Arteiro!
Segundo o artigo 127 da Constituição Federal [Constituição Cidadã], cabe ao Ministério Público zelar pela função jurisdicional do Estado, da ordem jurídica e democrática, dos direitos sociais e individuais indisponíveis e difusos, fazendo isso por meio da Ação Penal Pública e da Ação Civil Pública.

Já no artigo 129 da mesma Carta Magna, como titular da função de fiscal da Lei, cabe ao Ministério Público (MP) fiscalizar a defesa do patrimônio público, condenar as ilegalidades e inconstitucionalidades, exercer o controle externo policial, combater a corrupção eleitoral, a harmonia e a separação dos poderes etc.
Algo da Constituição Federal e da Lei Orgânica do MP, que é uma entidade autônoma dos outros poderes, criada segundo a teoria dos freios e dos contrapesos (Check and Balance) -fundamentando, assim, na defesa da sociedade contra os abusos do Estado e dos bandidos.
O genial promotor de Crateús, Dr. José Arteiro Soares Goiano, dentro da instituição ministerial do Ministério Público do Ceará (MPCE), simboliza tudo isso. 
Dr. José Arteiro é um dos maiores fenômenos do Ministério Público do Ceará. Considerado o melhor promotor da região e um dos mais qualificados promotores de Justiça do Ceará.
Extremamente inteligente e preparado, Dr. José Arteiro cumpre suas funções ministériais muito bem, sendo um promotor comprometido com a Justiça em todos os níveis. Na Promotoria de Crateús, condena os bandidos mas dentro de uma visão social da Lei.
Já chegou a defender publicamente o Movimento dos Sem Teto e dos Sem Terra, que lutam por terra e por moradia para as pessoas mais necessitadas. 
Defensor de eleições limpas e pela democracia plena, José Arteiro criou e liderou os movimentos 9840, em parceria com a CNBB, de combate à corrupção eleitoral e compra de votos por políticos corruptos nas eleições da região.
O promotor José Arteiro, em suas lutas contra as drogas, sempre aliado da promotora Socorro França, é uma das páginas mais memoráveis do Ministério Público para salvar vidas dos vícios mortais de todos os tipos de drogas, inclusive, sendo um dos idealizadores do Forum de Enfrentamento ao Crack e outras drogas dos sertões de Crateús.
Próximo dos advogados e da OAB, e amigo do secretário de Justiça do Ceará, Hélio Leitão, Dr. José Arteiro cumpre bem a Lei de Execuções Penais e os direitos fundamentais para a população carcerária crateuense.
Estadista do MP bem à frente do seu tempo, lutou muito pela implantação do Campus da UFC em Crateús, trazendo vários cursos de graduação da Universidade Federal para sua cidade.
A fé unida a uma filosofia de libertação. José Arteiro é vinculado à Diocese de Crateús e participou das Comunidades de Base de Dom Fragoso, fermentando as sementes de consciências para uma igreja popular e libertadora. Ajudando na construção de um novo jeito de ser Igreja.
Poderia dizer muito de José Arteiro, mas seria pouco pelo muito que ele já fez pela Justiça de Crateús e da região, sendo um promotor defensor das liberdades e dos direitos fundamentais da pessoa humana.
Verdadeiro promotor do povo, para o povo e pelo povo.
__________________________________________

Autor do artigo: Professor Tim é cientista político e blogueiro.

quarta-feira, 22 de junho de 2016

NOVOS E EXPERIMENTADOS

            Mesmo morando fora tenho acompanhado o desenrolar da política novarrussense. Como já me manifestei em post anterior, vejo minha cidade sem rumo no que diz respeito aos nomes que surgem como prováveis candidatos ao cargo de prefeito. Por questão de honestidade intelectual, mesmo generalizando, sou obrigado a reconhecer que alguns até têm qualidades pessoais, porém seus nomes são inviabilizados por questões financeiras o que, lamentavelmente, tem sido a principal qualidade de outros e, conforme nos recomenda as experiências recentes, esta não é uma boa referência.
            Em que pese minha opinião pessoal com ressalvas a alguns, faço com total imparcialidade uma pequena análise dos nomes que chegaram ao meu conhecimento através de uma pesquisa os quais divido em duas categorias que resolvi denominar de "novos" e "experimentados".
           Entre os nomes que denominei de "novos" de onde se poderia esperar renovação no sentido mais amplo da palavra, vimos estes começando com iniciativas das velhas práticas políticas, entre elas, a compra de apoios e, como se pode esperar, mais à frente, a compra do voto. Assim, caso eles ganhem, não haverá mudança na maneira de administrar ensejando a continuidade das mesmas práticas que levaram o nosso município à degradante situação que se encontra.
            Com relação aos já testados como administradores que denomino de "experimentados" temos um quadro mais definido do que estes podem oferecer à nossa tão sofrida terra, até mesmo pelos legados que deixaram como marca de sua passagem pelo comando do município.
            Como filho da terra que só quer o seu bem, não vejo outra saída senão escolher aquele que seja capaz de resgatar a esperança do nosso povo de ver novamente Nova Russas nos trilhos do desenvolvimento que já foi sua marca registrada. Para isto é necessário que todos estejamos despojados de sentimentos menores e pessoais. É sabido que não tenho afinidade política nem pessoal com nenhum dos nomes quer denominei "experimentados", mas em nome do bem comum estou disposto a contribuir para que não reincidamos nos mesmos erros que levaram-nos às páginas negras dos noticiários policiais em todo o país, tampouco continue neste marasmo administrativo que nos encontramos.

terça-feira, 21 de junho de 2016

OI: SIGA O DINHEIRO E CHEGARÁ AO LULA

            Recentemente escrevi matéria com título SIGA O DINHEIRO E CHEGARÁ AO PT. Hoje, com título análogo, mas especificamente sobre a empresa de telefonia OI e o ex presidente Lula trago ao conhecimento dos meus leitores mais uma matéria que mostra o chefe supremo do PT envolvido em mais um empreendimento suspeito e, infelizmente, à beira da falência levando consigo bilhões dos nossos bancos públicos.
            Para refrescar a memória dos meus leitores, lembro que esta empresa é o resultado da fusão da Portugal Telecon com a OI que teve a participação efetiva de Lula e da qual seu filho Lulinha tornou-se sócio numa transação pra lá de questionada. (VEJA)

segunda-feira, 20 de junho de 2016

PARA O BOM ENTENDEDOR A GRAMÁTICA BASTA

            Em matéria recente deste blog ficou bastante claro nas colocações do Senador Ronaldo Caiado que houve crime de responsabilidade da presidente afastada, mas eu gostaria de deixar registrada minha opinião pessoal do ponto de vista da interpretação da gramática, o que é de domínio de qualquer cidadão de conhecimentos medianos.
            Refiro-me à redação do Art. 4º da LOA (LEI Nº 13.115, DE 20 DE ABRIL DE 2015) que estima as receitas da União para o exercício financeiro de 2015. cujo teor posto abaixo:

Art. 4o  Fica autorizada a abertura de créditos suplementares, restritos aos valores constantes desta Lei, excluídas as alterações decorrentes de créditos adicionais, desde que as alterações promovidas na programação orçamentária sejam compatíveis com a obtenção da meta de resultado primário estabelecida para o exercício de 2015 e sejam observados o disposto no parágrafo único do art. 8o da LRF e os limites e as condições estabelecidos neste artigo, vedado o cancelamento de valores incluídos ou acrescidos em decorrência da aprovação de emendas individuais, para o atendimento de despesas:

            Daí pra frente seguem-se condicionantes que não servem ao meu raciocínio de vez que pretendo analisar sob o ponto de vista da interpretação gramatical do texto.
            Ora, senhores. Como ficou inequivocamente comprovado, o governo editou Decretos de Suplementação Orçamentária antes mesmo de suas aprovações pelo Senado como reza a Constituição:

O artigo 85 da Constituição Federal determina como crimes de responsabilidade os atos do Presidente da República que atentem contra a Constituição Federal e contra a lei orçamentária. Já o artigo 167 da Carta Magna estabelece ser vedada a abertura de crédito suplementar ou especial sem prévia autorização legislativa e sem indicação dos recursos correspondentes.


            Volto ao Art. 4º para pontuar que nas datas das edições dos referidos decretos o PLN nº 5 enviado ao Senado não havia sido aprovado, o que só ocorreu ao final do ano (2-12-2015) e, portanto, conclui-se que, àquela altura, os decretos não eram compatíveis com a obtenção da meta ferindo de morte a Lei de Responsabilidade Fiscal.


A lei nº 1.079 (LRF), de 1950 nos itens 4 e 6 do artigo 10, dizem que são crimes de responsabilidade contra a lei orçamentária infringir, patentemente, e de qualquer modo, dispositivo da lei orçamentária e ordenar ou autorizar a abertura de crédito em desacordo com os limites estabelecidos pelo Senado Federal, sem fundamento na lei orçamentária ou na de crédito adicional ou com inobservância de prescrição legal.

            A defesa petista insiste em afirmar que os decretos não feriram a meta anual que foi alcançada com a aprovação do PLN 5 ao final do ano, enquanto fica evidenciado que a LOA não trata da meta ao final do exercício, mas dos cuidados prévios para a su
a obtenção, portanto, quando da emissão do decreto. 
            Para o bom entendedor, o crime ocorreu no ato das edições dos decretos e, mais uma vez reafirmo que as suas emissões não eram compatíveis com a OBTENÇÃO da meta, infringindo, assim, o Art. 4º da Lei Orçamentária Anual (LOA).

AS CURTAS DO ANTAGONISTA

Os últimos suspiros


A Lava Jato descobriu o banco caribenho da Odebrecht ao investigar João Santana.
Os 16 milhões de dólares em propinas que ele recebeu da empreiteira (que tem de ser somados aos 23 milhões de reais que a Odebrecht repassou-lhe no Brasil) impedem qualquer manobra para poupar Lula ou Dilma Rousseff.
Esta é uma semana decisiva. Odebrecht e OAS podem fechar seus acordos com o Ministério Público Federal. A partir de então, seus executivos terão de contar o que sabem.
Os partidos vão implodir. Em primeiro lugar, o PT.

Os tucanos da OAS

A OAS vai mandar Lula para a cadeia.
E vai mutilar dois candidatos tucanos à presidência da República: Aécio Neves e José Serra.

LULA PRESO PARA SEMPRE

A OAS, nesta semana, terá um encontro decisivo com a PGR.
O Antagonista soube que a empreiteira realmente decidiu entregar Lula.
Ele será condenado pelo juiz Sérgio Moro. E será condenado mais de uma vez.
A OAS vai revelar que o sítio em Atibaia é dele. A OAS vai revelar também que o apartamento no Guarujá é dele.
Mas há mais do que isso.
A empreiteira vai declarar que o dinheiro gasto para armazenar seus móveis foi um pagamento de propina. Assim como suas palestras superfaturadas, que o remuneraram por um crime ainda mais grave – o tráfico de influência internacional.
Só o BNDES vai ficar de fora da denúncia.
Nossos leitores querem que Lula seja preso já. Mas o fundamental é que ele seja preso para sempre.
Lula está acabado.

16 MILHÕES DE DÓLARES PARA ELEGER LULA E DILMA

Feira recebeu mais de 16 milhões de dólares em propinas da Odebrecht.
Até agora, a Lava Jato só havia rastreado 4,6 milhões de dólares em pagamentos ilegais ao marqueteiro de Lula e Dilma Rousseff.
Mas o valor exato, de acordo com os documentos fornecidos pelo administrador do banco caribenho da Odebrecht, é 16.633.510 dólares.
Repetimos pela milésima vez: não vai sobrar nada do PT.


domingo, 19 de junho de 2016

O NÍVEL DA DEFESA DA DILMA

            Até parece que este mal pega. De tanto conviverem com a Dilma seus seguidores estão "emburrecendo", senão vejamos: enquanto o advogado cita "Tomás Turbando" o Senador Lindberg diz que o neoliberalismo nasceu na China governada por "Pinochet".

sábado, 18 de junho de 2016

CAIADO PROVA DEFINITIVAMENTE QUE HOUVE CRIME DE RESPONSABILIDADE

            Apesar do estilo "Rolando Lero" verificado na Comissão Especial que analisa o pedido de impeachment da Dilma, ainda é possível assistir trechos claros e objetivos como faz o Senador Ronaldo Caiado conforme se constata nos vídeos abaixo que posto por serem por si só elucidativos dos crimes que são imputados à presidente afastada bem como de notícia "quente" envolvendo mais um petista do nosso estado.
                   Intervenção do Senador Caiado: 52:50 e 4:22:29

                   Intervenção do Senador Caiado: 59:27, 1:48:15, 2:26:20 e 3:04:20

quinta-feira, 16 de junho de 2016

O DIREITO DE CADA UM

            Em matéria anterior expressei minha opinião sobre a desistência da minha sobrinha Dra. Daniela de concorrer no pleito deste ano à prefeita, contudo, jamais afirmei que não a apoiaria se sua decisão tivesse sido outra qualquer. Da mesma forma trato a intenção do meu sobrinho Acácio Jr. de pleitear a vaga dentro do grupo político que faz parte.
            Não entendo porque se criou uma celeuma em torno do assunto nas redes sociais uma vez que sua pretensão deve ser respeitada assim como de todos aqueles que se julguem vocacionados para a política e queiram concorrer a qualquer cargo. No caso específico, trata-se de um jovem advogado que, entre outras coisas, teve oportunidade de bem representar nossa cidade no Congresso Nacional, mesmo que por pouco tempo.
            Não vejo por parte dos críticos deles fazerem julgamento da trajetória política e de vida privada dos seus candidatos que, em alguns casos, não apresentam qualquer perspectiva de bons resultados para o município em razão do histórico dos mesmos.
            Tenho chamado a atenção dos meus conterrâneos para o risco que corre nosso município de, mais uma vez, cair nas mãos daqueles que apresentam como condição prinmcipal a uma candidatura o poder financeiro ensejando a continuação da situação que nos encontramos, pois está provado por mais de uma vez que este tipo de candidato priorizará a recuperação do seu capital financeiro investido na campanha.
            Ademais, Acácio Jr. deixou claro que está disposto a discutir o assunto com os demais candidatos de oposição para se chegar ao melhor nome para comandar nosso município nos próximos quatro anos. Acredito que só o consenso entre a classe política interessada no bem comum poderá apontar um nome viável e não uma candidatura imposta pela condição financeira, pois já sabemos onde isto vai dar.

LULA PODE CAIR A QUALQUER MOMENTO

            Para se pescar peixe grande é preciso que se use linha grossa. Não adianta pescar um grande peixe e logo em seguida vê-lo escapar pelo rompimento da linha mal dimensionada para o peixe pretendido. Assim é que a força tarefa da operação Lava Jato tem tomado todos os cuidados para que a "linha" não arrebente quando da decisão sobre o destino de Lula.
            A informação está no Blog do Aluízio Amorim como poderá ser lida na íntegra clicando na imagem/link abaixo:

NOVA RUSSAS SEM RUMO

            Desnecessário se faz falar da Nova Russas de hoje pelo obvio abandono administrativo que atravessa, portanto, pretendo falar do futuro tão cheio de esperanças que já vislumbramos um dia e hoje se apresenta tão sombrio.
            Não podemos falar de futuro sem analisarmos os nomes postos aí para concorrer ao cargo maior de nossa cidade. Sei que estou malhando em ferro frio para a maioria dos leitores deste post, mas faço-o por desencargo de consciência ao entender que sou parte deste processo na condição de eleitor e filho desta terra que, como a grande maioria da minha geração, já teve orgulho e alimentou esperanças.
            É inconcebível que a população de um município com uma população de mais de 30 mil pessoas não tenha nomes capazes de se gerarem esperanças de um bom futuro e que tenhamos que escolher entre os nomes que se apresentam aquele que ofereça tão somente condições de vitória eleitoral, pois é assim que estão sendo escolhidos pela classe política local que só vê este lado.
            Embora tenha me colocado sempre à margem deste processo, até porque minha opinião só iria fortalecer sua decisão e isto não agradaria a muita gente, confesso que sinto um misto de alívio e preocupação ao tomar conhecimento da decisão definitiva da Dra. Daniela de não concorrer ao pleito deste ano. Alívio por entender que não era o melhor para ela e preocupação com os prováveis nomes que se apresentam para a disputa do comando maior do nosso município.
            Nomes novos surgem com a única credencial de serem novos para os eleitores e apresentarem viabilidade econômica ou política aos olhos dos "comandantes" locais que deverão referendar seus nomes em função de uma continuidade e não do reconhecimento do surgimento de uma nova liderança vinda das massas. E o povo? O que eles têm a oferecer ao povo?
           E os velhos políticos? O que dizer dos já testados? Aí é onde reside minha total indignação. Como podemos admitir que pessoas que já demonstraram o nível moral e administrativo que são capazes de oferecer à administração do município sejam opções aceitas por parte da população sem qualquer questionamento?
            Diante de quadro tão grave rogo a Deus que ilumine o povo para que a escolha recaia sobre o "menos ruim" para o nosso já tão sofrido município.

quarta-feira, 15 de junho de 2016

O MODO PETISTA DE FAZER POLÍTICA

            Não poderia iniciar este texto sem deixar claro que a principal característica do PT de fazer política é com dinheiro; muito dinheiro. Mas outras formas não podem deixar de ser observadas, como a mentira e o engodo. É o que tem ficado mais evidente na Comissão Especial criada para apreciar o pedido de impeachment da Dilma.
            O que vemos na dita Comissão é a clara disposição de procrastinar o andamento dos trabalhos e a repetitiva palavra de ordem: "querem tirar uma presidenta eleita por 54 milhões de votos sem ela ter cometido qualquer crime" e que "ela apenas atrasou o pagamento de parcelas do  Plano Safra e editou quatro decretos que não foram feitos por ela, mas por equipes especializadas, do governo".
            Pois bem! Quero lembrar que segundo estabeleceu o Supremo ela só pode ser processadas pelas acusações constantes da denúncia aceita pela Câmara, ou seja, por Eduardo Cunha, quando presidente da Casa, constituída da edição de quatro decretos de suplementação orçamentária e a chamada pedalada referente ao plano safra. Desta forma, eles não aceitam qualquer citação de fatos conexos que deixaram nosso país na condição econômica insustentável que se encontra.
            Já em relação à acusação contra Eduardo Cunha eles  são totalmente favoráveis à sua cassação quando, da mesma forma, ele é acusado única e exclusivamente de mentir ao afirmar que não tinha conta no exterior. Ora! O Deputado certamente será cassado mesmo ele tendo insistido que não mentiu pelo fato das contas encontrada não estarem em seu nome.
            Sou de opinião que ele seja cassado pois sabemos que as contas são suas mesmo estando em nome de seus familiares, mas também não podemos aceitar que a Dilma seja absolvida por alegar que os recursos desembolsados pelo Banco do Brasil não sejam empréstimo e que os decretos não tiveram a participação dela na formalização de tais peças.
            Questionamentos sobre os aspectos jurídicos sempre existirão por mais obvias que sejam as caracterizações, mas advogados existem para contestá-las e neste caso não poderia ser diferente, mas devemos lembrar que o julgamento também é político. A propósito, Collor de Melo foi absolvido pela Justiça mas não do julgamento político consumado mesmo depois de sua renúncia.
            Eduardo Cunha será cassado pelo conjunto da obra ao ficar comprovado que o mesmo tinha depósitos em paraíso fiscais incompatíveis com seus rendimentos e não simplesmente por ter mentido.
            A Dilma, da mesma forma, deve ser cassada pelo conjunto da obra que levou o país à maior crise econômica de todos os tempos, sem contar com os crime que lhe são imputados por presos da Lava Jato em delações premiadas.